Social Icons


sábado, 27 de julho de 2013

Entrevista de arromba com Ljana Carrion !!!!

Ahh Ljana...






Hoje no blog da Bukkake Filmes, tenho o imenso prazer de entrevistar uma das minhas musas favorita do underground, Ljana Carrion! Modelo de diversos ensaios, entre eles, um que se destaca bastante é do xPlastic ,musa também da Canibal Filmes,estrelou em clássicos como “Arrombada: Vou mijar na porra do seu tumulo”,”Vadias do Sexo sangrento” e “Ninguém deve Morrer”.


Acompanhe agora a entrevista com a musa.
­
Ljana, antes de qualquer coisa quero dizer que é imenso prazer te entrevistar, sou muito fã dos filmes em que você participou e te considero como uma musa p/ underground!
R: Obrigada Matheus!! Tomara que eu inspire a todos os meus fãs nesta entrevista!!

Antes de falar sobre os filmes, o que você costumava fazer? Qual seu envolvimento com Teatro?
R:Eu não fazia nada envolvida com teatro antes de ter participado do filme ARROMBADA, Vou Mijar Na Porra do seu Túmulo, do Petter Baiestorf,  até ver minha atuação e não me surpreender muito, então quis fazer uma aulinhas de interpretação, um ano depois acabei entrando na universidade e comecei a estudar Artes Cênicas, estou quase me formando e não sei se minha atuação melhorou muito rs rs. Agora estou com um grupo chamado  IRACEMA DE ARACAJU CIA LIVRE DE TEATRO , nos especializamos em teatro de animação, como sombras e bonecos.

Você fez apresentações já em casas noturna de rock não? Como eram as apresentações? Você gostava do trabalho? Como surgia a ideia da apresentação?
R:Fiz em noites de rock, glams, bregas e gays. É incrível, me divirto muito e acho que todos se divertem, ou quase todos, sempre tem alguns que ficam um pouco ofendidos rs rs, Ano passado fiz a última, espero que não seja a última realmente, performatizei a Santa do Pau Oco (rs rs) e depois muito rock com bambolê. As inspirações vem de amigos, filmes, personalidades, burlesco, vem de tudo, e muitas vezes vem do desespero. Uma vez desisti de fazer uma apresentação de útima hora, acabaram me confencendo e surgiu a performance da Carmem Divine, tem nesse link : http://www.youtube.com/watch?v=BtcWbQ3gHpc
é só pra rir!!




Nos seus ensaios fotográficos você fazia algo ousado e meio que incomum, como você relaciona isso? Acha que muita das vezes quando alguém recusa esse tipo de trabalho pode ser por “frescura”?
R:Realmente, tive inspirações fora do comum, como o japão e seus tentáculos de polvo rs rs, mas algumas ideias não tão fora do comum, como videogames no suicidegirl.com e um belo pasto no xplastic.net. Eu até gosto de ousar , mas as vezes não faço necessariamente por isso e sim por pura rebeldia e prazer momentâneo,  eu adoro posar para uma câmera, mas somente nesses momentos que me solto mais, não sei explicar exatamente, acho que sou um pouco safada e depravada mesmo. Rs rs … Sobre frescura, olha até pode ser, mas cada um tem seus limites, eu adoro ultrapassá-los , mas como é normal, as vezes também tenho medo.

Alias, já teve algum trabalho do qual recusou?
R:Sim, trabalhos que achei bobos ( quem sou eu heim... rs ) e pornográficos, sinceramente não tenho interesse em fazer sexo de verdade em frente as câmeras.

 
Sua estreia nos filmes independentes foi com o clássico “Arrombada: Vou Mijar na Porra do seu Túmulo” que acima de tudo, conta com uma critica social e com a parte do sexploitation. Como você foi designada para o papel? Aceitou também numa boa? Você gostou do resultado final do vídeo?
R:Bom, no orkut existe a comunidade “ quero ser atriz da canibal”, entrei nela e acabei falando que tinha interesse em participar de um filme com o Petter, então acabou rolando e fui para a grande Palmitos!!!
Gostei muito do trabalho final, dei boas risadas, mas como disse acima, minha atuação, não gostei muito, mas acabei me acostumando, porque não era acostumada com as câmeras e acabei achando tudo meio esquisito, agora já assisto tranquilamente.



Depois de Arrombada, veio o “Vadias do Sexo Sangrento”, até então o filme de maior orçamento da Canibal (até antes de Zombio 2). Você acha que o filme consegue ser tão perturbador quanto Arrombada para um espectador mundano?
R: Hmm, acho que os dois tem o seu lado perturbador e prazeroso, mas acho que o Arrombada perturba mais, pelo fato do constante estupro, mesmo o Vadias também tendo ele é mais vivo, entende? Acho o arrombada mais mórbido, rs. Mas é esquisito falar pertubador pra mim, eu não parava de rir quando assisti os dois filmes, rs rs.

Ainda em “Vadias do Sexo Sangrento” você contracenou com Coffin Souza fazendo uma cena real de Golden Shower, você receberia um Golden Shower ou faria um Bukkake caso fosse necessário para algum filme?
R:Olha, não sei, acho que um golden shower sim, agora um bukkake ( tive que pesquisar para saber o que é , rs) não sei, bom, quem sabe...rs

Nesses dois filmes seu da Canibal podemos ver o quão é bem explorado as cenas de nudez, isso pode ter sido natural para você, mas agora torno fazer uma pergunta que já fiz em outra entrevista: Como convencer alguém á fazer cena de nudez para seu filme?
R: Faça essa pergunta nú!

Depois de muito sexo, sangue e o que temos de mais em um filme da Canibal, você ressurge em Ninguém Deve Morrer em um papel de belo caubói, se divertiu bastante durante as gravações?
R:Bah! Me diverti sim, teve um elenco muito bom e me diverti muitoooooo, tem  uns momentos a qual  nem lembro mais Rsssss!!! Também nessas filmagens que vi pela última vez o grande Jorge Timm, pessoa sensacional! 

Tem também um filme do Gurcius Gewdner, o “Viatti Arrabiatti” que sabe-se lá quando o barbudo vai editar, fale mais do filme e da sua personagem, o roteiro volta com todo sexo e gore dos filmes anteriores da Canibal?
R:Hum, na real não li o roteiro todo não, e faço duas cenas, era pra ter feito outra contracenando com a Gisele que ainda não tive o prazer de conhecer, mas não deu. To ansiosa pra ver o resultado, partindo do Gurcius, tudo pode acontecer, rss.

Mas enfim... por onde anda Ljana ? O que está fazendo ultimamente? Pretende voltar com nos filmes independentes (quem sabe contracenando com outra musa do underground hehe)?
R:Liana está em casa, casada, cuidando de seu cachorro Nestor, fazendo teatro, praticamente, infantil, mas com a mente maquinando numa putaria!! rs rs rs. Bom, fiz a abertura de um filme do Rafael Schilichting chamado Zulu Anárquico, que sairá em 2014 ou 2015! aff.. Estou com alguns planos, mas que prefiro não revelar por enquanto. Estou com um grupo de teatro que pretendemos circular por ai no início do ano que vem com uma peça infantil. Agora, buscando novos diretores, realmente, estou com saudades de me lambuzar de “sangue” e outras coisinhas mais !!!

Ljana, muito obrigado pela entrevista, para finalizar, tem algum recado?
R: Obrigada pela entrevista, adorei responde-la! Ljana ama vocês! E espero receber muito Bukkake na tela da sua TV ou PC! Rs rs rs rs . Beijão e mordidas a todos.

Aproveite também e leia o fanzine que Ljana colaborou,tornando-se modelo da capa.




Um comentário:

  1. Ótima entrevista! É legal saber por onde anda Ljana já que está meio sumida, pelo menos não perco as esperanças de vela de novo em algum filme por aí.

    ResponderExcluir

 
Blogger Templates